Pular para o conteúdo principal

A escolha do nome do bebê mundo afora

A escolha do nome mundo afora - Foto: EssentialBaby

Parece natural que na hora de eleger um nome para o filho, os pais simplesmente escolham aquele que lhes parece mais bonito. Entretanto, em muitas partes do mundo, há vários outros fatores que exercem grande influência nesse processo. Conheça um pouco mais sobre como os pais escolhem o nome de seus bebês em outros países.

Na África, com sua enorme extensão geográfica e incontável quantidade de culturas diferentes, as famílias levam muita coisa em conta na hora de escolher o nome de um filho, e uma delas é a expectativa que os pais têm para o futuro da criança. Existe a crença de que o nome é capaz de influenciar a vida da pessoa, e não só a dela, mas também a dos parentes. Assim, muitos bebês africanos recebem dois nomes: um é dado assim que nascem, e o segundo um pouco mais tarde.

Na Nigéria, os bebês que nascem na comunidade iorubá recebem um nome oruku, que descreve as circunstâncias do nascimento. Abegunde, por exemplo, um nome de menino, significa "nascido em um feriado". Bejide é um nome de menina e quer dizer "criança nascida num dia de chuva".

Mais tarde, as crianças iorubá recebem um nome oriki, que indica a expectativa para o futuro. Dunsimi significa "não morra antes que eu" e Titilayo, "felicidade eterna".

Os bebês das tribos quenianas que falam suaíli recebem, quando nascem, um primeiro nome chamado jina la utotoni. É um nome escolhido por um parente mais velho, e normalmente está ligado à aparência da criança. Biubwa, por exemplo, quer dizer "fofinho, macio", e Haidar é considerado um bom nome para um menino que parece "forte e vigoroso".

Cerca de 40 dias depois do nascimento, o jina la ukubwani (o nome adulto) é escolhido pelos pais ou pelos avós paternos.

Os falantes do idioma akan, em Gana, realizam uma cerimônia sete dias após o nascimento do bebê para lhe dar um nome. O pai do recém-nascido escolhe o nome de um parente querido, na esperança de que a criança cresça e faça jus ao nome. Os nomes akan também têm significados especiais, como Kojo (nascido numa segunda-feira) e Minkah (justiça).

Para crianças chinesas (filhas de falantes de mandarim, cantonês ou dialetos como o hokkien), o nome costuma ser composto por duas sílabas do alfabeto chinês, cada uma com um significado específico. Como existem milhares de caracteres no alfabeto chinês, é raro encontrar duas pessoas com o mesmo prenome.

O costume, no entanto, pode acabar mudando, porque há uma nova moda de dar aos bebês nomes de apenas uma sílaba. E, na prática, alguns caracteres são usados com mais frequência que outros. "Mei", por exemplo, significa "bonita", um bom nome de menina.

Os nomes dados ao bebê na China podem representar várias coisas, desde elementos da natureza até entidades místicas. Às vezes o significado é muito pessoal, e só os pais da criança o entendem.


É costume dar aos meninos chineses nomes simples, sem grandes significados, para "enganar" os maus espíritos. Já as meninas recebem nomes mais elaborados e graciosos, que descrevem sua beleza ou suas qualidades.

Para os chineses, dá azar escolher o nome definitivo do bebê antes de ele nascer. Enquanto está na barriga, a criança pode ter um nome falso (nome "de leite"), para confundir os espíritos do mal. Diz a sabedoria chinesa que, se o bebê que ainda não nasceu é chamado por um nome de animal, ou até de algo como feio, os espíritos do mal não vão achar que vale a pena "sequestrá-lo".

Não é raro chineses assumirem um nome ocidental quando crescem, quando entram na faculdade ou quando se casam, especialmente se tiverem muitos contatos profissionais com o Ocidente.

No Japão, as meninas frequentemente recebem nomes que denotam qualidades, como Kiyiko ("criança limpinha"), Nayako ("criança obediente") ou Yoshiko ("criança boazinha"). A terminação "ko", presente com frequência nos nomes de meninas, significa "criança". Os nomes de garotos costumam ser menos inventivos. Boa parte das vezes, refletem a posição do menino na família. Ichiro quer dizer "primeiro filho", Jiro significa "segundo filho" e Saburo, "terceiro". Assim como os chineses e coreanos, os japoneses usam o sobrenome na frente do nome.

Em japonês, nomes com a mesma pronúncia às vezes são escritos de forma diferente. As palavras são compostas por kanji, uma série de ideogramas, e os kanji usados para cada nome podem variar, dependendo da escolha dos pais.

Na Grécia, de acordo com a tradição, dá-se o nome ao bebê no sétimo ou no décimo dia depois do nascimento. É raro os pais escolherem o nome só por o acharem bonito. As convenções para a escolha dos nomes são bastante rígidas na Grécia. O primeiro menino de uma família, por exemplo, normalmente recebe o nome do avô paterno. A primeira menina costuma receber o nome da avó paterna. As crianças seguintes frequentemente recebem nomes de outros parentes.

A Igreja Ortodoxa Grega exerce forte influência sobre os nomes. É comum que os bebês recebam nomes de santos. E eles acabam celebrando dois aniversários: o "normal", do dia em que nasceram, e o do dia do santo em homenagem ao qual foram batizados. Assim, os Ioannis (ou outros com nomes derivados de João) têm uma festa extra no dia 7 de janeiro. O mesmo acontece com os Christos, que têm uma festa a mais no dia 25 de dezembro, e com os Valentins e Valentinas, que comemoram o dia 14 de fevereiro.

Cada ilha ou região da Grécia possui um santo padroeiro, e os bebês muitas vezes recebem o nome desse santo local. Santo Espiridião (Spiridon) é o padroeiro de Corfu, por exemplo, por isso muitos meninos de Corfu se chamam Spiros. Todos eles têm seu "segundo aniversário" no dia 12 de dezembro.

Assim como em boa parte dos países latinos, os bebês italianos com frequência recebem nomes inspirados nos santos da Igreja Católica, ou que tenham conotação religiosa. Assunta, por exemplo, remete à assunção da Virgem Maria, e Zita é o nome de uma santa que viveu na Toscana no século 13. Certos nomes ficam mais circunscritos a determinadas regiões: Romolo (Rômulo) é um nome comum em Roma, mas raro em outros lugares, enquanto Brizio é frequente na Umbria.

Ao contrário de outras culturas europeias, os italianos tendem a preferir nomes tradicionais da língua, evitando os estrangeiros, embora hoje em dia já não seja mais tão difícil encontrar na Itália bebês com nomes inspirados em artistas internacionais, por exemplo.



Veja também:
5 dicas importantes para escolher um nome perfeito para seu bebê
Nomes mais usados no Brasil e no mundo

Comentários

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

MAIS LIDOS DA SEMANA

American Boys: Nomes mais usados para meninos nos EUA em 2009

Para pais e mães com gosto internacional, aqui vai mais uma lista para vocês se inspirarem: os 100 nomes mais usados para meninos americanos em 2009 (veja aqui a lista atualizada com os nomes masculinos mais populares nos Estados Unidos em 2017).
1. Jacob
2. Ethan
3. Michael 
4. Alexander
5. William
6. Joshua
7. Daniel
8. Jayden
9. Noah
10. Anthony
11. Christopher
12. Aiden
13. Matthew
14. David
15. Andrew
16. Joseph
17. Logan
18. James
19. Ryan
20. Benjamin
21. Elijah
22. Gabriel
23. Christian
24. Nathan
25. Jackson
26. John
27. Samuel
28. Tyler
29. Dylan
30. Jonathan
31. Caleb
32. Nicholas
33. Gavin
34. Mason
35. Evan
36. Landon
37. Angel
38. Brandon
39. Lucas
40. Isaac
41. Isaiah
42. Jack
43. Jose
44. Kevin
45. Jordan
46. Justin
47. Brayden
48. Luke
49. Liam
50. Carter


51. Owen
52. Connor
53. Zachary
54. Aaron
55. Robert
56. Hunter
57. Thomas
58. Adrian
59. Cameron
60. Wyatt
61. Chase
62. Julian
63. Austin
64. Charles
65. Jeremiah
66. Jason
67. Juan
68. Xavier
69. Luis
70. Sebastian
71. Henry
72. Aidan
72. Ian
74. Adam
75. Diego
76. Nathaniel
77. Brody
78. …

Nomes bíblicos para meninas: lista completa de A a Z

As mulheres da Bíblia de A a Z: veja a mais completa lista de nomes bíblicos femininos, seus significados e origens de acordo com fontes especializadas nacionais e estrangeiras. Há centenas de lindas opções que podem servir de inspiração tanto para os pais mais tradicionais quanto para quem busca algo “diferente” para sua filha, mas sem abrir mão da conexão com o Livro Sagrado.
Esta é uma compilação com nomes das mulheres retratadas na Bíblia, além de adaptações de prenomes bíblicos masculinos (ex. Gabriela vem de Gabriel - a forma original estará entre parênteses) e alguns inspirados em expressões e localidades bíblicas. Há também nomes de personagens masculinos com sonoridade neutra ou mesmo feminina (geralmente devido à terminação -a) que são perfeitamente adaptáveis para meninas.
*Estes são os nomes presentes nas versões em português da Bíblia e suas grafias mais frequentes; veja tambémos nomes bíblicos em outras línguas.
A
AASBAI: do hebraico “florescente, brilhante” ou “eu recorr…

Nomes bíblicos para meninos: lista completa de A a Z

Os homens da Bíblia de A a Z: veja a lista completa de nomes bíblicos masculinos, seus significados e origens de acordo com fontes especializadas nacionais e estrangeiras.

Ao longo da História, pais de todo o mundo têm usado a Bíblia como fonte de inspiração para escolher os nomes de seus filhos, e apesar de alguns desses nomes serem bastante populares entre adultos e crianças, a maioria ainda é rara no Brasil.

Assim, se você busca um nome forte, profético e ligado à tradição cristã ou judaica, mas prefere algo incomum, de forma que seu filho não tenha três ou quatro xarás na escola, a Bíblia tem inúmeras opções bonitas, confira!
*Estes são os nomes presentes nas versões em português da Bíblia e suas grafias mais frequentes; veja tambémos nomes bíblicos em outras línguas.
A

AARÁ: do hebraico “atrás”

AARÃO, ARÃO: do hebraico "alta montanha" ou "exaltado, elevado”

AASBAI: do hebraico “florescente, brilhante” ou “eu recorro a Deus” (personagens femininos e masculinos)

ABDEL, AB…

American Girls: Nomes de menina mais usados nos EUA em 2009

Conheça os nomes mais usados para meninas nos Estados Unidos em 2009 (veja aqui a lista atualizada com os nomes mais escolhidos nos EUA em 2017). Pelo visto, muitos pais brasileiros estão se inspirando nos americanos na hora de escolher o nome para suas princesinhas!

1. Isabella

2. Emma

3. Olivia

4. Sophia

5. Ava

6. Emily

7. Madison

8. Abigail

9. Chloe

10. Mia

11. Elizabeth

12. Addison

13. Alexis

14. Ella

15. Samantha

16. Natalie

17. Grace

18. Lily

19. Alyssa

20. Ashley

21. Sarah

22. Taylor

23. Hannah

24. Brianna

25. Hailey

26. Kaylee

27. Lillian

28. Leah

29. Anna

30. Allison

31. Victoria

32. Avery

33. Gabriella

34. Nevaeh

35. Kayla

36. Sofia

37. Brooklyn

38. Riley

39. Evelyn

40. Savannah

41. Aubrey

42. Alexa

43. Peyton

44. Makayla

45. Layla

46. Lauren

47. Zoe

48. Sydney

49. Audrey

50. Julia


51. Jasmine

52. Arianna

53. Claire

54. Brooke

55. Amelia

56. Morgan

57. Destiny

58. Bella

59. Madelyn

60. Katherine

61. Kylie

62. Maya

63. Aaliyah

64. Madeline

65. Sophie

66. Kimberly

67. Kaitlyn

68. Charlotte

69. Alexandra

70. Jocelyn

71. Maria

72. Valeria

73.…

Nomes bíblicos para meninas: letra B

Mulheres da Bíblia de A a Z: veja a lista completa de nomes bíblicos de menina com inicial B, seus significados e origens. Inspire-se nos mais bonitos e diferentes nomes de personagens bíblicas femininas. BBAARA: do hebraico “graveto”

BASEMATE, BASEMATH: do hebraico “fragrância”

BATE-SEBA, BETSABÁ: do hebraico “filha da promesa”

BELÁ: do hebraico “destruição” (personagem masculino, mas nome se adapta ao gênero feminino)

BELÉM: do hebraico "casa do pão"

BERENICE: do grego "vitoriosa" ou “a que traz a vitória”

BERILO: nome de origem grega. Oitava pedra preciosa que formava os fundamentos da Jerusalém celestial

BERSEBA: do hebraico “poço da promessa”. Poço mencionado em Gênesis

BETÂNIA, BETHÂNIA: do hebraico "casa de figos"

BETEL, BETHEL: do hebraico “casa de Deus”

BETESDA: do hebraico “casa de misericórdia”. Nome de um tanque em Jerusalém
BETSAIDA: do hebraico "casa de pesca"

BEULÁ: do hebraico "casada"

BILA, BILLAH: do hebraico "timidez"…

Astronomia: Nomes de constelações para bebês

Ligando os pontos: Tradicionalmente, constelações são definidas como grupos de estrelas que, vistas da Terra, parecem estar próximas umas das outras e que, ligadas por linhas imaginárias, formam diferentes figuras, geralmente relacionadas a mitologias dos povos antigos.
Os primeiros desenhos relacionados a elas estão na caverna de Lascaux, França, e datam de 17.300 anos. Já os primeiros catálogos feitos por estudiosos da Astronomia remontam à Idade do Bronze, quando foram identificadas as famosas constelações do zodíaco. Atualmente, a esfera celeste encontra-se dividida em 88 constelações que têm fascinado a humanidade através da História, encantando com sua beleza e estimulando nossa imaginação. 
Veja aqui uma lista com nomes de constelações antigas e modernas, assim como as originárias da cultura indígena brasileira (marcadas com asterisco*) que podem servir de inspiração para pais que curtem astronomia e que buscam um nome estelar para seu bebê.
MENINAS

Ara

Andrômeda

Auriga

Austrina

Bere…

Nomes bíblicos para meninos: letra E

Homens da Bíblia de A a Z: veja os nomes bíblicos masculinos com inicial E, suas origens e significados. Inspire-se nos mais belos e poderosos nomes de personagens bíblicos para menino.

E
EBENÉZER: do hebraico "pedra de auxílio"
ÉBER: do hebraico "região além"

ÉDEN: do hebraico "lugar de prazer"

ÉDER: do hebraico "rebanho"

EDOM, EDON: do hebraico "vermelho"

EFRAIM, EFRAIN: do hebraico "frutífero"

ELÁ: do hebraico “árvore de carvalho”

ELÃO, ELAM, ELAN:
do hebraico “escondido” ou “eternidade”

ELCANA: do hebraico “Deus adquiriu”

ELDADE, ELDAD: do hebraico “Deus amou”

ELEAZAR: do hebraico "Deus ajudou"

ELI: do hebraico “ascensão” ou "meu Deus"

ELIÃ, ELIAN: do hebraico "Deus é nosso parente"

ELIABE, ELIAB: do hebraico "Deus é pai"

ELIAQUIM, ELIAKIN: do hebraico "Deus estabeleceu" ou “Deus eleva”

ELIAS: do hebraico "meu Deus é Deus”

ELIEL: do hebraico "meu Deus é Deus"

Nomes bíblicos para meninas: letra C

Conheça os significados e as origens dos nomes femininos da Bíblia que começam com C. Há belíssimas opções que ainda são pouco usadas no Brasil e podem servir de inspiração para pais que buscam originalidade sem abrir mão da conexão com o Livro Sagrado cristão.
C
CADMIELA (Cadmiel): do hebraico "Deus é desde o princípio"
CALÁ: do assírio “vigor”
CANÁ: do hebraico “junco”

CANAÃ: do hebraico "baixo, plano". Refere-se à “terra prometida”
CANDACE, CANDICE: do cuchítico "rainha mãe"
CARMEL (Carmelo): do hebraico "jardim de Deus"
CARMELA, CARMELE (Carmelo): do hebraico "jardim de Deus"
CARMELITA: do hebraico "natural do monte Carmelo"
CARMESIM, CARMESIN: do árabe "vermelho".
CARMI: do hebraico "vinhedo" (personagem masculino, mas nome se adapta ao gênero feminino)
CARMITA: do hebraico “pertencente ao clã de Carmi”
CEFIRA, QUEFIRA: do hebraico "vila". Cidade mencionada em Josué 9:16
CESAREIA, CESÁRIA: do latim “cid…